Biblioteca - Recurso

  • A Linguagem como operadora do déficit na cultura: o viés capacitista na saúde e educação

    Anna Paula Feminella, Annibal Amorim, Lais S. Costa, Sônia Gertner

    Categoria: Deficiência, Desigualdade, Educação, Equidade, Saúde,

    Sugerido por Annibal Amorim, convidado a realizar a Curadoria nº 7 da Plataforma INCLUA ‘A Linguagem do Déficit e a Progressiva Enfermidade da Cultura’, esse artigo analisa a construção social da linguagem do déficit e as consequências de sua contínua difusão, contribuindo para a progressiva enfermidade da cultura e seus impactos capacitistas nos territórios existenciais das pessoas com deficiência.

    Tipo: Artigo,

    Formato: PDF,